Paróquia do Sagrado na Barra do Imbuí realiza o seu I Muticom

28 02 2017 Muticom Paróquia da Barra
clique na imagem e veja o álbum de fotos

A Paróquia do Sagrado Coração de Jesus na Barra do Imbuí – Teresópolis realizou o seu I Muticom paroquial no dia 19 de março. Aproveitando o apelo da Igreja diocesana para a criação desta pastoral, e da disponibilidade do Vigário, Padre Rafael Augusto, a equipe que desde janeiro recomeçou os trabalhos se uniu a outros agentes vindos de outras paróquias, já que a Paróquia da Barra não se fechou, e transformou seu evento também no primeiro Muticom do Decanato São Pio X, aberto aos demais agentes. Compareceram agentes das paróquias de Santa Rita no Meudon, Santa Teresa e São Judas, além dos anfitriões.

A palavra inicial foi do Padre Rafael, que comentou que o Muticom é a forma mais adequada para iniciarem os trabalhos, e mesmo que os conteúdos neste dia fossem apresentados de forma mais sintética, por conta do tempo de duração, já seria o suficiente para que os agentes pudessem começar a atuar na pastoral. As oficinas técnicas também apresentariam os agentes para questões comuns e necessárias para se desempenhar um bom trabalho.

Antes da primeira apresentação, foi transmitida aos presentes uma mensagem enviada pelo Padre alexandre Brandão dos Santos, em que felicitava a paróquia por este momento e também desejava para as demais presentes que os frutos deste trabalho não se demorassem.

A primeira apresentação da tarde ficou com o Assessor do Decanato e agente da paróquia de Santa Rita, Eustáquio Pereira, que fez a apresentação da Pascom com base no Diretório de comunicação da CNBB e o Projeto diocesano de comunicação. Apresentou os principais conceitos acerca da Pastoral, os eixos de trabalho, a atuação da Pascom na Liturgia e a relação com as outras pastorais.

A oficina de vídeo ficou por conta de Tomil Gonçalves, que é paroquiano e possui vasta experiência no ramo, inclusive em grandes empresas nacionais ligadas à mídia. Tomil fez uma apresentação muito produtiva, explicando conceitos, os planos, e como a linguagem cinematográfica é portadora de significados. Antes de finalizar sua apresentação, lançou um desafio aos agentes, ao apresentar dois trabalhos: Um, meramente promocional, de um supermercado, e um outro sobre a atuação valente e voluntariosa de fotógrafos junto a realidades de pobreza e perigo. Quis dizer que a propaganda tem uma linguagem que não é verdadeira, é mentirosa no intuito de conduzir o homem a uma realidade que ele não pertence. E frisou aos agentes este comportamento, indagando sobre como querem ver seus trabalhos publicados, se como propaganda, induzindo o olhar dos outros, ou como verdade, como evangelização.

A oficina de foto ficou por conta de Renata Santos, que é também profissional do ramo, reconhecida em toda a cidade e que também presta serviços para a Diocese. Por ser paroquiana também trouxe para a formação um conteúdo de espiritualidade muito forte, aliado ao trabalho rigoroso, que a técnica da profissão exige. Renata mostrou algumas configurações na DSLR e apresentou parte de seu vasto portfólio com imagens de templos e situações espalhados pela Diocese.

Tomando a palavra, foi a vez do Marcondes, empresário na cidade e também muito atuante na paróquia falar sobre a atitude e postura do agente que vai cobrir um evento. Deu dicas desde a forma de se vestir até a estratégia de cobertura. Segundo ele, o agente precisa conhecer o que vai ser feito ou realizado naquele momento e conhecer os momentos-chave em que ele precisa estar preparado. Não só dentro do templo, onde o espaço é mais limitado e as celebrações têm poucas mudanças, mas também no Ginásio onde se celebram eventos diocesanos. Tudo é importante e o agente tem que estar preparado e focado.

Com este evento a Pastoral da Comunicação da Paróquia do Sagrado Coração na Barra espera reestruturar sua equipe, para continuar divulgando as atividades da Igreja, e fazendo a comunhão com as demais paróquias da cidade e com toda a diocese.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *